Ads 330x60px

Subscribe:

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Resenha: A Hospedeira - Stephenie Meyer

Oi gente!!! Resenha nova no pedaço. Essa semana eu fugi um pouco do tema sobrenatural (que por sinal faz o maior sucesso, inclusive comigo), A hospedeira é pura ficção científica. Um livro muito comentado em todos os sentidos. Eu confesso que esperava um pouco mais do livro, e que no começo só comprei para ler porque era da Stehphenie Meyer. Não sei se é porque eu adorei Crepúsculo, mas esperava mais desse livro. Mas enfim vamos a resenha.


O que você faria se a terra fosse invadida por alienígenas, que além de tomarem o planeta, tomassem o seu corpo ???

Melanie que o diga. Ela teve seu corpo tomado por uma alienígena. Mas Melanie não se entregou tão facilmente. Ao contrário da regra Melanie não desapareceu por completo, de alguma forma misteriosa ela ainda vivia dentro de seu corpo que agora era utilizado por Peregrina (a alien). Peregrina tentava ter uma vida normal apesar do fato de sempre escutar a voz de Melanie dentro de sua cabeça. No começo a convivência era um tanto quanto "complicada". Melanie não aceitava o fato de ter que deixar a sua vida para trás, a troco de nada. Isso implicaria em abandonar Jaime, seu irmão mais novo, e Jared, uma pessoa muito, mas muito especial mesmo para Melanie. E ainda por cima ter o seu corpo tomado por uma "lacraia alienígena"
Com o passar do tempo Peregrina se sente culpada por privar Melanie de viver a sua vida normal, ela decide sair em busca do irmão de Melanie. Uma "expedição" pelo deserto que tem tudo para dar errado. A água e os alimentos acabam muito antes do esperado e Peg, sozinha no deserto passa por maus bocados.
Ela é encontrada pelo famoso tio Jeb (a propósito Peg estava sendo guiada pelas coordenadas deixadas pelo tio Jeb). Jeb leva Peregrina para o interior de uma caverna subterrânea, onde os humanos se refugiam para não terem seus corpos invadidos. É na caverna que a história toda se passa. Peg fica presa a princípio, eles têm medo de que ela fuja ou que represente algum perigo para a "sociedade" que habita a caverna. Algumas pessoas são contra a existência de Peg, acho que podemos chamá-los de inimigos. No entando, Peg vai aos poucos conquistando a confiança de todos os moradores do lugar, só que ela não desperta só a confiança, desperta também a paixão de Jared (o antigo namorado de Melanie), e em Ian (um dos moradores da caverna). 
Aos poucos ela se torna uma figura super "popular", e de uma extrema importância para os "rebeldes". Já que Peg ajuda nas expedições em busca de remédios e comida. A história tem um desfecho interessante ( no meu ponto de vista).
Confesso que achei o livro meio parado, já que não muda de cenário, mas mesmo assim é um livro bom. Recomendo.



Espero que tenham gostado, não deixe de comentar! A sua opinião é mega importante!!!

Um comentário:

Juh** disse...

Eu amei este livro Pablo, achei que Stephenie surpreendeu! E ao contrário de você, não me incomodou nem um pouco o fato do livro se passar quase inteiro em uma caverna :)
Ótima resenha!
beijos
Livros e blablablá

Postar um comentário