Ads 330x60px

Subscribe:

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Resenha: Estilhaça-Me - Tahereh Mafi


Estilhaça-Me (Skoob)
Autor(a): Tahereh Mafi
Editora: Novo Conceito
Páginas: 304
Onde Comprar: SubmarinoSaraiva.

Juliette é uma jovem com estranhos poderes. Poderes que podem ferir, ou até mesmo matar uma pessoa com um simples aperto de mão. Por conta dessa espécie de "dom" Juliette vive isolada de um mundo destruído pelos humanos em um sanatório/prisão. 
Confinada entre quadro paredes e privada de sua adolescência a garota recorre a um caderno e uma caneta velha como um meio de não ficar louca. Tudo lhe parece muito confuso até que um garoto é mandado para a sua cela. Seu nome é Adam, e sem precisar dizer uma palavra ele já abala as estruturas da garota aprisionada.
Juliette é capturada a força e levada para uma base de um governo que planeja um novo recomeço para o planeta. Uma nova língua, uma nova estrutura, uma nova cultura e uma nova chance. Warner, um dos grandes responsáveis por essa "empreitada" pretende forçar Juliette a trabalhar ao lado dele, já que o dom da garota vem bem a calhar durante uma guerra. 
Ela contará com a ajuda de Adam para sobreviver a esse momento e deverá decidir o seu futuro: Ser uma arma ou uma guerreira.

Meu toque é letal. Meu toque é poder.

Realmente surpreendente. Confesso que tive vontade de fechar o livro e desistir da leitura durante as primeiras 50 páginas. O começo do livro tem um lado bem psicológico, já que Juliette está trancafiada sozinha a algum tempo. Podemos facilmente identificar a personalidade da personagem. E é claro que sempre tem aquele sentimento de ser um monstro por ter poderes dessa magnitude.

Um dos "melhores" vilões eu encontrei nesse livro. Warner consegue ser desagradável a todo tempo. Sabe aquele tipico personagem que te dá vontade de entrar no livro e torcer o pescoço dele !? juliette tem uma paciência  gigantesca com ele. Já de contra partida temos Adam, um dos mocinhos mais encantadores que já encontrei pelos livros. Doce, meigo, charmoso e super protetor.

O final me surpreendeu muito. realmente não esperava que esse livro teria um desfecho tão animador. Já estou totalmente ansioso pela continuação, a qual eu ainda não sei nada, mas espero que seja tão eletrizante quanto esse primeiro livro.

A autora inovou totalmente na diagramação desse livro, já que em alguns momentos ela simplesmente Risca pensamentos da personagem. Sem contar que cada capítulo tem uma ilustração na primeira página. A Capa é simplesmente linda, de um brilho fantástico. Outro ponto que eu, particularmente, adorei é que os capítulos são pequenos, uma média de 5 ou 6 páginas cada um, o que, para mim, faz a leitura fluir bem mais rápido.  Simplesmente perfeito.
Super indicado para todas as pessoas!!!

Gente espero que tenham gostado. Semana que vem tem mais, ah não deixe de comentar, a sua opinião é mega importante!!! Um grande beijo à todos!!!

Um comentário:

Juh** disse...

Yeeeey, que bom que você gostou! Quando você me disse que não estava curtindo fiquei até triste hahaha, eu amei esse livro!
Que bom que você não desistiu, o começo é um tanto doido, mas depois melhora demais!

Beijos
Livros e blablablá

Postar um comentário