Ads 330x60px

Subscribe:

Featured Posts

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Resenha: A Maldição - Joseph Delaney


A Maldição (Skoob)
Autor (a): Joseph Delaney 
Editora:
Bertrand Brasil 
Páginas:
288
Onde Comprar: 
Submarino

"Você corre perigo, filho", disse minha mãe. "Mas não se esqueça... quando você for homem, então será a vez de as trevas ficarem com medo... foi para isso que eu lhe dei a vida..."
O Caça Feitiço e seu aprendiz viajaram a Priestown para tratar de um assunto pendente. Nas catacumbas de catedral está a criatura diabólica que o Caça-Feitiço não conseguiu derrotar. Chamam-na de FLAGELO. 
Quando Thomas Ward e seu mestre se preparam para a maior batalha de suas vidas, fica evidente que o Flagelo não é o seu único inimigo no Condado. O Inquisidor acabou de chegar à procura daqueles que ligam com as trevas. Será que eles conseguirão sobreviver ao horror que está a caminho?

Mais aventura!

A Maldição” é o segundo livro da série “As Aventuras do Caça-Feitiço“, que conta a história de Thomas Ward, um sétimo filho de um sétimo filho que se torna aprendiz de Caça-Feitiço.

O livro continua com a mesma qualidade e o mesmo estilo do anterior, só que as aventuras/ação começam desde o inicio, o que torna a leitura mais agradável, onde muita coisa é revelada, como um pouco do passado John Gregory e sobre a mãe de Thomas (não contarei mais detalhes para não estragar a leitura).

A série vem surpreendendo a todos e comigo não foi diferente, estou mito ansioso para ler os próximos volumes da serie (por enquanto tem oito livros escritos e cinco já lançados no Brasil), tanto que já estou com o terceiro na minha cabeceira aguardando para começar a leitura, a série tem todos os ingredientes de sucesso na certa, boa aventura, um amor que está pra acontecer (tenho minhas apostas em Alice e Thomas), e certamente tem tudo para melhorar.

Minha expectativa para o próximo livro e sobre o passado de John que deve começar a ser revelado a partir do terceiro volume “O Segredo”, e tenho certeza que terei as minhas expectativas superadas novamente, pois Joseph Delaney não para de me surpreender, indico a todos que leiam a série que vocês não se arrependerão, e aguardem por que já esta sendo gravada o primeiro filme da saga, e se seguir os moldes do livro se preparem para mais oito ou nove filmes.


Guilherme Wunder 

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Filmes & Séries #3

Meia Noite em Paris 


  
Sinopse:
Gil (Owen Wilson) sempre idolatrou os grandes escritores americanos e sonhou ser como eles. A vida lhe levou a trabalhar como roteirista em Hollywood, o que fez com que fosse muito bem remunerado, mas que também lhe rendeu uma boa dose de frustração. Agora ele está prestes a ir a Paris ao lado de sua noiva, Inez (Rachel McAdams), e dos pais dela, John (Kurt Fuller) e Helen (Mimi Kennedy). John irá à cidade para fechar um grande negócio e não se preocupa nem um pouco em esconder sua desaprovação pelo futuro genro. Estar em Paris faz com que Gil volte a se questionar sobre os rumos de sua vida, desencadeando o velho sonho de se tornar um escritor reconhecido.


Opinião:
O filme ocorre na encantadora Paris, linda como sempre e a noite suas luzes e a arquitetura antiga nos encanta e nos enche de sonhos. Paris onde nasceu Monet e lar da famosa Torre Eiffel é uma inspiração para muito e foi por isso que Gil um jovem roteirista de Hollywood aproveita a oportunidade de viajar para Paris com sua noiva e os pais da jovem  com o objetivo de se inspirar e trabalhar em seu romance.

Gil acaba saindo de um jantar e aproveita para fazer uma caminhada noturna por Paris e é ai que tudo começa a mudar e Gil acaba conhecendo seus maiores ídolos como o casal Fizgerald,  Ernest Hemingway e Picasso. E é em uma das ocasiões que está na companhia desses grandes talento que conhece Adriana a linda e sedutora amante de Picasso.

Um filme cheio de romance e um grande espaço aberto a imaginação. No início me deparei com um filme sem muito sentido e para mim pareceu mais um documentário do que um filme, talvez pelo fato das vozes e das conversas sem sentido, mas depois fui me apegando aos detalhes do filme a cada sentimento dividido e contido e a vivacidade do local em que foi gravado que simplesmente amei o filme.  

Frase:

“— Por que você está todo arrumado? – Inez
“— Estava só escrevendo um pouco.” – Gil
“— Você se arruma e passa colônia para escrever?” – Inez
“— Você sabe que eu penso melhor no chuveiro com íons positivos rolando…” – Gil

Enfim Shakespeare 

terça-feira, 24 de julho de 2012

Resenha: O Sobrinho do Mago - C. S. Lewis


O Sobrinho do Mago (Skoob)
Autor (a): C. S. Lewis
Editora: Martins Fontes
Páginas:
98
Onde Comprar: 
Saraiva ,  submarino .

A aventura começa quando Digory e Polly vão parar no gabinete secreto do excêntrico tio André. Ludibriada por ele, Polly toca o anel mágico e desaparece. Digory, aterrorizado, decide partir imediatamente em busca da amiga no Outro Mundo. Lá ele encontra Polly e, juntos, ouvem Aslam cantar sua canção ao criar o mundo encantado de Nárnia, repleto de sol, árvores, flores, relva e animais.

O Inicio
Este livro conta como Nárnia foi criada e como tudo começou, os personagens principais são as crianças Digory e Polly, que são muito criativas e sonhadoras, e muitos desses sonhos são os de crianças comuns, como nós que sempre tivemos o sonho de subirmos em sótão de casa ou entrar em um mundo novo, pois é isso que acontece neste livro, onde tudo começa com o tio André, um feiticeiro de meia tigela que se achava o tal e não sabia nada de feitiçaria, só tinha os tais anéis por que ganhou de herança, e esses anéis levaram as crianças a Nárnia pela primeira vez, e infelizmente acordaram a feiticeira branca, que desde aquela época já era a vilã da historia e incomodou muito até voltar pra Nárnia e ser derrotada por Aslam, mas isso é assunto pra outra resenha.

O livro na verdade, parecem ter trechos inspirados na bíblia, como a criação do mundo que Aslam faz em Nárnia, e a fruta proibida que no livro também fosse uma maça e na missão que Digory tem que fazer para ajudar na criação de Nárnia ele encontra a tal maça e ele tem que resistir a tentação de comê-la, mas para mim a melhor parte do livro é como foi criado o Guarda Roupa (é obvio que não vou contar como, vamos ler galera!), é simplesmente o ápice pra mim, pois é surpreendente e inimaginável a maneira que foi criado e onde tudo acontece.

Pra terminar indico a todos que comprem este livro, mas comprem o volume único, pois é mais barato e mais fácil de encontrar, e que vocês não vão se arrepender de ler sobre este mundo incrível chamado Nárnia, onde tudo pode acontecer.


Guilherme Wunder 

terça-feira, 10 de julho de 2012

Resenha: O Rei do Inverno - Bernard Cornwell


O Rei do Inverno  Skoob 
Autor (a):
Bernard Cornwell
Editora: Record
Páginas: 537
Onde Comprar: 
Submarinosaraiva

O Rei do Inverno conta a mais fiel história de Artur, sem os exageros míticos de outras publicações. A partir de fatos, este romance genial retrata o maior de todos os heróis como um poderoso guerreiro britânico, que luta contra os saxões para manter unida a Britânia, no século V, após a saída dos romanos. "O livro traz religião, política, traição, tudo o que mais me interessa," explica Cornwell, que usa a voz ficcional do soldado raso Derfel para ilustrar a vida de Artur. O valoroso soldado cresce dentro do exército do rei e dentro da narrativa de Corwell até se tornar o melhor amigo e conselheiro de Artur na paz e na guerra.

                                    Simplesmente Magnífico

Pode se dizer que este é um livro que eu queria ler a muito tempo, mas me surpreendeu principalmente pela forma que é contada, que, ao contrario que todos imaginavam (ou pelo menos eu pensava assim) o personagem principal não é Artur, mas sim Derfel, agora vocês devem estar pensando, mas esse cara é louco se o Rei do Inverno é o Rei Artur como é que ele pode não ser o personagem principal, mas vou explicar, Derfel é um soldado e fiel amigo de Artur, Nimue e Merlin, que são junto com os dois já citados o pelotão de frente do livro, então, em todos os momentos importantes e históricos do livro ele estava presente, como na guerra para reconquistar a Bretanha e a coroação de Artur (ele não é rei, só estava guardando o trono para Mordred).

Infelizmente o livro é meio sonolento e enrolei por mais de mês de tão “chato” que estava desculpa pelo palavreado, mas é a pura verdade, fica uma embolação e não da pra entender quase nada, pois não para de surgir personagens só pra confundir a nossa cabeça, não quero desanimá-los ou fazer vocês desistirem de ler o livro, por que depois que as coisas ficam mais aceleradas é difícil de largar, e já estou atrás do Box da série e ler o resto da saga, pois Bernard sabe usar as palavras e nos da uma historia cheia de surpresas e com muitas batalhas sangrentas e paredes de escudos.

O livro é perfeito e os indico a todos que gostem de muita guerra e sangue por que com certeza vocês verão isso, e se surpreenderão com a reviravolta e as estratégias de batalha do Rei Artur, que sempre lutou pela igualdade e por um país sem guerras e corrupções. Acho que poderia surgir um Artur agora, pois o Brasil ta precisando pelo menos de uns três.

Valeu gente!

Att: Guilherme Wunder

sábado, 7 de julho de 2012

Essa Semana... #30


essasemana[5][4]Meme semanal hospedado pelo Lost in Chick Litonde compartilhamos pequenas informações sobre a nossa semana literária. Tendo como principal objetivo encorajar a interação entre os blogs literários brasileiros, fazer amizades e conhecer um pouquinho mais sobre outras pessoas apaixonada por literatura. Tem interesse em participar? Saiba como aqui!



Vem comigo na minha semana literária...

Leitura do momento:

Do seu lado - Fernanda Saads Skoob

Li essa semana:
Tudo Pode Mudar - Jonathan Tropper Skoob

Resenhas da semana:
Um Dia - David Nicholls
Dizem por aí... - Jill Mansell

Ultima Compra: 
A Maldição do tigre - Collen Houck Skoob
O Resgate do tigre - Collen Houck Skoob
Dvd Harry Potter e as relíquias da morte pt 2

Desejo Comprar Urgentemente:
Resposta Certa - David Nicholls Skoob

Estado de Espirito Literário:
Meio devagar, a minha rotina de exercícios está me matando, não ta dando pra ler muito T-T (2)

Literary Crush:
Tilly - Dizem por aí...

Feito da Semana: 
Sobrevivi, semana de prova...

Queria ver no Brasil:
Os outros livros da série Glee!

Im in mood for... (gênero literário do momento):
Romance Sobrenatural...

Hey Mr, Postman (ultima coisinha que chegou do correio):
O Melhor de Mim - Nicholas Sparks
Caixa com livros da Novo Conceito (amanhã mostro na caixinha de correio)

Vi e viciei (booktrailers, trailers, videos whatever):
~X~